Município


Outros Dados Sobre Quevedos


1901 - Havia a "Picada de Quevedos", caminho que levava ao lugar.
1905 - Chega o primeiro dentista prático, Cândido Alves Dias.
1912 - É aposentado o professor João Taborda, com vencimentos de 35$000 mensais.
1914 - Instalado o Cartório de Registro Civil, em 12 de janeiro. Era Juiz Distrital Lindolfo Alves de Quevedo e, 1º Oficial, Manuel de Oliveira Netto.
1923 - Havia três aulas no 6º Distrito.
1938 - Decretada a "área urbana" - perímetro do povoado.
"Começa num marco à margem esquerda do Lajeado do Curtume, na extremidade oeste da Rua Quevedo, sobe o lajeado até encontrar o outro marco na margem; daí pela extremidade norte dos lotes B40 e C; daí segue pela extremidade sul dos lotes da quadra nº 3 até a Rua Quevedo; por este até o ponto de partida."
1950 - Começa a funcionar o Grupo Escolar de Quevedos e em maio é inaugurado o serviço de ônibus.
Em 19 de novembro é inaugurado o campo de pouso para aviões de turismo e fundado o Subdiretório do Aero Clube de Júlio de Castilhos, cuja primeira diretoria foi a seguinte: Presidente - Balduíno Rodrigues da Luz; 1º Vice-Presidente - Lindolfo Alves Bueno; 2º Vice-Presidente - Ernesto Lampert; Tesoureiro - Marcílio Tellier; Guarda-Campo - Lindolfo da Luz.
O Censo de 1950, apontava: 3.162 habitantes (102 - urbana e 3.060 - rural).
1953 - Em 21 de fevereiro é fundado o "Hospital Nossa Senhora dos Remédios", tendo como Presidente: Amantino V. Flores; Secretário: Felisbino de Oliveira e Secretário: Romeiro R. Ribeiro.
1960 - Censo apontava: 3.664 habitantes (210 - urbana e 3.454 - rural).
1962 - Em assembléia geral, dirigida por Wladimir Mello, foi fundada, em 11 de fevereiro, a "Associação dos Agricultores Sem Terra". Sua primeira diretoria era: Presidente: Francisco Dias dos Santos; Vice-Presidente: Felisbino de Oliveira; 1º Secretário: Hugo L. Duarte; 2º Secretário: José F. L. da Rosa; 1º Tesoureiro: José João Dutra Farias; 2º Tesoureiro: José Santos de Quevedo; Orador: Orion Farias Neto; Conselho Fiscal: Fredolino Alves Quevedo, Romeiro Ribeiro e Izaltino Bitencourt; Suplentes: Otacílio L. Lima, Manuel O. Vieira e Nereu N. Teixeira.
1970 - Em 14 de julho, foi fundado o "Clube 17 de Maio", uma sociedade recreativa cuja primeira diretoria foi: Presidente: Francisco Dias dos Santos; 1º Vice-Presidente: Luiz Flores dos Santos; 2º Vice-Presidente: Domingos Teodoreto França; 1º Secretário: José Soares de Quevedo; 2ª Secretária: Evanice G. Bellé; Tesoureiro: Felisbino Oliveira; Orador: Domingos Algerich Dias e Bibliotecária: Nair da Luz Rodrigues.
O Censo de 1970 apontava: 3.553 habitantes (234 - urbana e 3.119 - rural).
1971 - Em 31 de dezembro, é criado o CTG Mangueira de Pedra, substituindo o Clube 17 de Maio e teve como primeiro Patrão o senhor Deoclides da Luz.
1980 - O Censo apontava: 2.954 habitantes (377 - urbana e 2.577 - rural). Sendo, na Vila: 190 mulheres e 187 homens. Na zona rural: 1.207 mulheres e 1.370, homens. Área do Distrito: 540 km². Densidade demográfica: 5,4 hab/km².
1986 - Instalação do posto de combustível.
1988 - Assentamento pelo governo estadual de 19 famílias na Paina.
1989 - Foi criado o grupo de saúde para melhor conhecer e fazer o uso de plantas medicinais, assistência à comunidade.
1990 - Em maio começa o processo emacipacionista do município.
1992 - Lei Estadual nº 9.589 de 20 de março de 1992. Criando o município.
1993 - Em 1º de janeiro instala-se o Município de Quevedos através da Lei Estadual nº 9.589, de 20.3.1992. Teve como primeiros Edis eleitos e empossados: Ver. Admar Maia Nickel - PDS; Ver. Alcides Krauze Dias - PDS; Ver. Clóvis Heinen - PDS; Verª. Jane Maria Santos Nágera (suplente) - PDS; Ver. Waldir Martins Ribeiro - MDB; Ver. Alcemar Silveira de Lima - PDS; Ver. Antero Braz Peixoto - PDS; Ver. José Eli Difanti Nágera - MDB; Verª. Maria Sartori de Vargas - PDS e Ver. Ildo Silveira da Silva - PDS. Os primeiros administradores de Quevedos foram: Prefeito Pedro Ivo Costa Lampert e Vice-Prefeito Aldori Flores Vieira. 

1993 - DECLARA EVENTOS OFICIAIS DO MUNICÍPIO DE QUEVEDOS AS DATAS DE 20 DE MARÇO, ANIVERSÁRIO DE EMANCIPAÇÃO DO MUNICÍPIO E 20 DE SETEMBRO, ANIVERSÁRIO DA REVOLUÇÃO FARROUPILHA  -  Lei nº 41, de 3.9.1993
1994 - INSTITUI A PROTEÇÃO AO PATRIMÔNIO HISTÓRICO, ARTÍSTICO E CULTURAL DO MUNICÍPIO - Lei nº 80, de 27/06/1994
1995 - Lei Municipal nº 110, cria o Brasão de Armas, Selo, Bandeira. Lei Municipal nº 144, institui o Hino Municipal
1995 - CRIA E DELIMITA 09 (NOVE) NÚCLEOS COMUNITÁRIOS RURAIS (NCRS) DO MUNICÍPIO DE QUEVEDOS - Lei nº 120, de 16/11/1995
1995 - INÍCIO DA INFORMATIZAÇÃO DA PREFEITURA.
1996 - CRIA A BIBLIOTECA MUNICIPAL AURELIANO DE FIGUEIREDO PINTO  Lei nº 158, de 23/12/1996
1996 - CRIA O MUSEU SACRO DA CAPELA NOSSA SENHORA DOS REMÉDIOS, DANDO CATEGORIA DE BEM MUNICIPAL A ESTE MUSEU - Lei nº 159, de 30/12/1993
1998 - CONSTRUÇÃO DAS PRIMEIRAS UNDIADES HABITACIONAIS.
2000 - INSTITUI O SISTEMA DE CONTROLE INTERNO NO MUNICÍPIO - Lei nº 310, de 29/12/2000
2007 - NO DIA 11/109/2007, FOI REALIZADO O LANÇAMENTO DA PEDRA FUNDAMENTAL DA CÂMARA DE VEREADORES
2007 - INSTITUI AS DIRETRIZES URBANAS DO MUNICÍPIO DE QUEVEDOS- Lei nº 536, de 27/08/2007
2011 - INSTITUI A LEI GERAL DA MICROEMPRESA, EMPRESA DE PEQUENO PORTE E MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL Lei nº 682, de 30/11/2011
2008 - ALTERA A DENOMINAÇÃO DE LOGRADOURO PÚBLICO E REVOGA A LM Nº 476, DE 30/09/2005 – PRAÇA ARQ. JORGE RODRIGUES DOS SANTOS - Lei nº 572, de 01/12/2008
2008 - EM 18 DE DEZEMBRO, A CÂMARA DE VEREADORES INSTALOU-SE EM PRÉDIO PRÓPRIO - RUA MANUEL ALVES DIAS, Nº 3
2012 - INAUGURAÇÃO DO PRÉDIO DA CÂMARA DE VEREADORES EM 16.03.2013.
2013 - CRIA A COORDENADORIA MUNICIPAL DE DEFESA CIVIL (COMDEC), O FUNDO MUNICIPAL DE DEFESA CIVIL (FUMDEC) E O CONSELHO MUNICIPAL DE DEFESA CIVIL (COMUDEC) DE QUEVEDOS - RS - Lei nº 734, de 14/10/2013
 

 

Voltar

Câmara Municipal de Quevedos ©2005-2018 - Desenvolvido por PROSIS Informática